A Atitude do Zagueiro Rodrigo Caio do Time do São Paulo, foi honestidade ou burrice?

No primeiro jogo da semifinal do Campeonato Paulista 2017, entre São Paulo e Corinthians,  no domingo dia 16/04, tivemos a vitória do Corinthians pelo placar de 2 a 0, teve um lance, que chamou atenção da mídia,  repercutindo em todo o Brasil. 

O jogador Rodrigo Caio do São Paulo, protegeu a bola, contra a chegada do atacante Jo, para que o goleiro  pudesse fazer a defesa,  quando ocorreu um pisao do jogador Rodrigo Caio, contra o goleiro do próprio time, sendo que o juiz da partida, marcou a falta do Jo, porém, em rara atitude, o jogador Rodrigo Caio, avisou ao Juiz,  que ele tinha pisado no goleiro,  assim, livrou o jogador Jo, de levar o cartão amarelo,  e consequentemente ficar fora das semifinais.

A atitude de Rodrigo Caio,  está repercutindo em todo o país,  portanto, dividindo opiniões a favor e contra. A sociedade está tão acostumada com tantas desonestidade no Brasil, entretanto, quando um jogador de futebol age com honestidade, ou fair play, acham anormal. Portanto, é estranho terem elogiado o Atlético Nacional da Colômbia,  quando entregaram o título da Taça Libertadores da América para a chapecoense.

Este fato gerou polêmica, demonstrando claramente que a nossa sociedade precisa mudar o pensamento, principalmente em relação a honestidade, é extremamente incoerente criticar os políticos do Brasil, enquanto, em pequenas atitudes,  somos desonestos também, mesmo que sejam através de pequenos atos, não diminuem o tamanho da desonestidade, porém, existem vários atos que caracterizam a corrupção, cortar filas, comprar filmes piratas etc.

Atitudes semelhantes a do Rodrigo Caio, deve ser valorizado,  não devemos entrar no sensacionalismo da mídia,  que distorce um ato tão nobre, polemizando o assunto.

Em fim, parabéns ao jogador Rodrigo Caio, atleta do São Paulo, pela honestidade,  fair play e caráter,  são através de pequenas atitudes honestas,  que construiremos um país justo.

 

1 Comentário

Leave a Reply